O que é obesidade como prevenir – Obesidade, o mal do século

Bloqueador de anúncios detectado

O Blog Harmonia Natureza é sustentando com exibição de anúncios online para os nossos visitantes. Considere nos apoiar desativando o seu bloqueador de anúncios do navegador.

Você sabe o que é obesidade como prevenir? Recebi esse material hoje 19/01/2011 por email e achei interessante publicar mesmo sem entrar dentro do foco do site. Apesar das causas da obesidade serem diversas origens, as principais são genéticas e ambientais.

o-que-é-obesidade-como-prevenirO aumento do sedentarismo associada aos atuais hábitos alimentares com excesso de gorduras e carnes, e com pouca ou nenhuma fibra, são os principais responsáveis pelo elevado índice de obesidade e pelo próprio ritmo desenfreado da vida atualmente.

Uma pessoa com excesso de peso diminui consideravelmente a sua qualidade de vida à medida que os quilos aumentam. O que está em causa é muito mais do que um padrão de beleza, pois a obesidade arrasta consigo muitas consequências para a saúde física e psicológica. Estudos indicam que 70% dos obesos desenvolvem pelo menos uma das doenças relacionadas com o peso excessivo.
Uma pessoa é considerada obesa quando apresenta 20% ou mais acima do peso máximo estimado para a sua altura.

O que é obesidade como prevenir

Num tempo em que as formas esguias e os músculos esculpidos constituem um avassalador padrão de beleza, o excesso de peso e a obesidade transformaram-se na grande epidemia do planeta. Nos Estados Unidos, nada menos de 97 milhões de pessoas (35% da população) estão acima do peso normal. E, destas, 39 milhões (14% da população) pertencem à categoria dos obesos. O problema de forma alguma se restringe aos países ricos.

A prevenção da obesidade é relativamente simples e consiste em equilibrar a ingestão calórica com o gasto de energia, através de dieta e exercícios físicos.

Quem se identificou com esse quadro, deve buscar ajuda profissional tanto para a prescrição de uma dieta correta quanto para a prescrição adequada dos exercícios a serem praticados.

A estratégia para a prescrição de exercícios físicos requer o conhecimento dos efeitos da duração, intensidade, massa muscular envolvida, além da composição corporal e do gasto energético provocado pelos exercícios propostos. Vale lembrar que é muito importante a associação de exercícios com dieta adequadamente orientada.

O gasto calórico durante as atividades físicas varia com a intensidade e duração do esforço e do peso do indivíduo, entre outros fatores. Pessoas mais pesadas gastam mais calorias do que as pessoas leves para realizar um mesmo exercício.

A recomendação para o controle do peso é de três sessões por semana que represente pelo menos 1000 Kcal/semana com atividades moderadas.

Na prescrição de exercícios para o controle da gordura corporal, sempre se deve considerar as quatro variáveis básicas dos exercícios aeróbios: frequência, intensidade, duração e tipo. Preferencialmente, o foco inicial deve ser realização de exercícios aeróbios, que ajudam na perda de “massa gorda”.

Pessoas sedentárias não são capazes de realizar exercícios em altos níveis de gasto energético, e por isso necessitam acumular um grande período de atividade durante a semana para efetivamente perder gordura.

O exercício é importante para conseguir o efeito de perda de gordura, porém, como já foi dito, é importante que seja sempre associado à um dieta adequada e com acompanhamento profissional.

Emagrecer com Saúde: Seu novo estilo de vida

Emagrecer é mais do que uma questão de estética e saúde– pode ser seu novo estilo de vida! Pois tão difícil quanto emagrecer é manter-se no peso ideal.

Por isso, perder peso de maneira eficiente implica numa mudança de rotina que não se restringe somente aos seus hábitos alimentares.

Comer de vagar e evitar passar longos períodos em jejum são maneiras simples de começar esta mudança.
Procure se alimentar nos intervalos das refeições principais (não precisa contar no relógio) e coma em ambiente tranquilo.

Estabeleça sua META para conhecer o seu desafio, para assim saber o que precisa ser feito – ou o impacto do exagero – para se manter em forma.
Pesar-se não deve se tornar uma obsessão, portanto, suba na balança no máximo uma vez por semana  ou a cada 15 dias.

Reeducação alimentar X Dieta

Enquanto a dieta propõe restrições alimentares para perda rápida de peso, a reeducação alimentar busca consciencializá-lo sobre como comer para emagrecer.

Os benefícios desta segunda forma de alimentação surgem em longo prazo, contudo, a garantia de manutenção do peso é maior. Além disso, a reeducação alimentar oferece mais conforto e qualidade quanto à dieta, pois não retira nenhum grupo alimentar.

Para iniciar o processo de reeducação alimentar, basta seguir a Pirâmide Alimentar.  E não precisa ser nenhum especialista para entendê-la, olhem só: a base da pirâmide apresenta os alimentos que mais precisamos comer, e sim, são carboidratos. A dica aqui é trocar alimentos com carboidratos simples pelos com carboidratos complexos.

À medida que a pirâmide afunila, diminuem as necessidades de ingestão daquele grupo. Mas atenção: diminuir não significa retirar aquele grupo da sua dieta! Ou seja, doces são permitidos desde que com moderação! E a melhor hora para comê-lo é depois do almoço.

Vamos fazer umas trocas? Que tal trocar o refrigerante por suco? Mas não vale ser suco industrializado! Estes são quase piores que o refrigerante pela quantidade de sódio que possuem.

E se trocássemos o frito pelo assado/ grelhado e o doce por uma fruta? Não se trata somente da ingestão de calorias, e sim da ingestão de gordura – o corpo transforma açúcares em gordura para suprir eventuais necessidades energéticas.

Quer Emagrecer? Então Mexa-se!

Além de se preocupar com o quê e quanto você come, é preciso se atentar com o modo que você gasta estas calorias se quiser emagrecer. Então, faça atividades físicas!

Dê preferência pelos exercícios de alta intensidade que podem ser feitos em casa em menos de 10 minutos por dia. Mas se a questão é a falta de tempo, existem exercícios que podem tomar apenas 21 minutos por dia.

Como sobreviver ao desânimo?

Bem se sabe que a dificuldade não mora em começar, senão em continuar. A empolgação com o novo estilo de vida é inversamente proporcional à vontade de desistir. Ou seja, quanto mais animado você estiver, menos vontade de abandonar o projeto você terá.

Primeiro, estabeleça metas viáveis para você. Por exemplo, eliminar 600g por semana – o recomendado pela Organização Mundial de Saúde. Desse modo, quanto mais metas você alcança, maior o estímulo para continuar.

Segundo, mentalize o porquê desta mudança: é para aumentar a auto estima? Ou para melhorar a qualidade de vida? Ou os dois? Faça disso seu lema.

Finalmente

Não  tenha pressa. Os resultados serão alcançados gradativamente e sem prejudicar a sua saúde.

Vale lembrar que o organismo sempre responde muito bem a uma alimentação equilibrada. Por isso, mantenha seu foco em cumprir com seu novo estilo de vida, porque emagrecer será uma consequência inevitável.

Vamos rever as dicas deste artigo

  • Emagrecer é mais do que uma questão de estética e saúde;
  • Saiba a diferença entre Reeducação Alimentar x Dieta;
  • Quer Emagrecer? Então Mexa-se;
  • Sobreviva ao desânimo; e
  • Finalmente, seja Feliz.

Agora que você aprendeu o que é obesidade como prevenir tenha cuidado com a sua saúde.

O que é obesidade como prevenir – Obesidade, o mal do século
5 (100%) 10 votes
-->Aproveite e cadastre seu email abaixo para receber novas atualizações do site. Após colocar o seu email abaixo vai receber um email de confirmação de cadastro não esqueça de clicar.<--

Receba novidades no seu email:

Delivered by FeedBurner

Deixe uma resposta

Digite abaixo a numeração *