Mentiras do Marketing de Rede 1 – Você já ouviu isso?

Bloqueador de anúncios detectado

O Blog Harmonia Natureza é sustentando com exibição de anúncios online para os nossos visitantes. Considere nos apoiar desativando o bloqueador de anúncios.

Mentiras do Marketing de Rede 1. Você já deve ter notado que o marketing de rede tem uma má fama em alguns meios. Leia os motivos.

Mentiras do Marketing de Rede 1

Obs.: Material escrito por Mauro Pennafort

Mentiras-do-Marketing-de-Rede

Também já deve ter acessado alguns sites que falam muito mal do nosso negócio.

Tem muita gente que não gosta do marketing de rede e faz uma tremenda propaganda negativa. E porque isso acontece?

Bem, seria o caso de perguntar porque se fala tão mal dos políticos ou ainda porque se fala mal dos advogados. A verdade é que, no caso dos políticos, tenho certeza que você tem inúmeros exemplos de corruptos e desonestos para citar e a generalização desses exemplos faz com que toda a classe seja tachada negativamente.

No nosso negócio acontece o mesmo. Por sua característica de enriquecimento comparativamente fácil e rápido, o marketing de rede atrai muitas pessoas de pouca ética. São pessoas que confundem “fácil e rápido” com “a qualquer custo”.

Grande parte do nosso trabalho é conseguir que pessoas venham a fazer parte do nosso grupo. E, muitas vezes, no desespero de convencer as pessoas de fazerem esse negócio, os próprios profissionais prometem benefícios e facilidades que não existem.

Cria-se uma ilusão. E uma pessoa que não entraria no negócio se soubesse de suas reais dificuldades, acaba entrando PENSANDO que o negócio é mais fácil do que realmente é. E, mais cedo ou mais tarde, essa pessoa vai descobrir os desafios envolvidos no negócio e vai lembrar que nada disso foi dito. Ela vai se sentir enganada.

Essas mentiras são contadas inocentemente pela maioria, embora haja gente que minta descarada e conscientemente. Muitos dos que dizem isso, efetivamente acreditam que seja verdade, porque aprenderam assim.

Quero falar de algumas das mentiras que nos contaram e que nós, muitas vezes por simples repetição automática, repetimos sem perceber.

Mentira Número 1: Qualquer pessoa serve pra esse negócio.

Um dos grandes problemas que temos ao fazer a lista de nomes é a tendência de pré-julgar as pessoas e excluí-las da lista. Então nós ensinamos que se deve colocar TODAS AS PESSOAS na sua lista de nomes. E é verdade.

Mas é preciso entender que isso é apenas porque nós não temos como adivinhar quem QUER e quem NÃO QUER. Isso não significa que todos eles sirvam pra esse negócio.

Pra fazer marketing de rede e ser bem sucedido são necessárias certas características pessoais muito importantes e que nem todos têm ou querem desenvolver.

Eu vejo alguns distribuidores tão desesperados pra “colocar” uma pessoa que prometem que vão fazer o trabalho pelo cara, prometem que ele não precisa mudar nada, não precisa se esforçar etc etc etc…

Essa gente que entra acreditando que não precisará fazer esforço algum, depois de algum tempo se decepciona de uma tal maneira que acaba fazendo sites como “Indústria da Decepção”, cujo nome mostra claramente o motivo por trás dele.

Existem pessoas que simplesmente não servem pra fazer marketing de rede. E isso não significa que sejam “fracassados”, “galinhas” (em oposição à “águias”) ou “gente sem sonho”. Existem pessoas que AMAM ser médicos e não trocariam a medicina por nada em suas vidas! Existem pessoas que AMAM ser policiais, advogados, motoristas etc etc etc.

Existem pessoas que simplesmente odeiam e têm pavor de qualquer tipo de rejeição e não conseguem aceitar os inevitáveis “NÃO”s do nosso negócio. Para algumas pessoas a aprovação de seus amigos e grupo social é a coisa mais importante que existe. E não há nada de errado com isso!

Aceite logo o fato de que não há nada errado com as pessoas que não querem fazer marketing de rede. Elas só têm vontades diferentes das suas!

Você sabe fazer cirurgias?! Você sabe atirar com precisão?! Você sabe cozinhar qualquer prato?! Você sabe desenhar e planejar ambientes?! Você sabe mostrar o plano?! Você aprenderia a fazer cirurgias pra ganhar o que o Lino Barbosa ganha?!

É preciso aceitar o fato de que o dinheiro que nós ganhamos e o estilo de vida que temos NÃO JUSTIFICA QUALQUER SACRIFÍCIO. Para algumas pessoas, outras coisas são mais importantes.

Mentira Número 2: Nossos produtos se vendem sozinhos.

Isso é usado pra justificar o investimento em produtos e não é verdade em absoluto. Em primeiro lugar, ao contrário do que quase todos os meus colegas dizem, esse negócio é um negócio de vendas. Pode não ser de vendas porta-a-porta, mas é venda.

Em segundo lugar, essa mentira tem dois efeitos colaterais terríveis:

1 – Existe uma enorme deficiência em treinamentos de vendas, porque, se não é vendas, pra que treinar as habilidades de vendas?! Então as pessoas são jogadas aos leões completamente despreparadas pra vender seus produtos e sua oportunidade.

2 – As pessoas já começam programadas para o fracasso porque recebem falsas expectativas sobre a facilidade de vender. Dizer que os produtos se vendem sozinhos faz parecer excessivamente fácil e quando as pessoas descobrem que não é bem assim, acabam se desapontando de uma tal maneira que saem do negócio e ainda falam mal.

Se você não é vendedor e quer movimentar os produtos, você precisa acreditar tão fortemente neles que seu “brilho no olhar” (entusiasmo) substitua as técnicas de vendas. E isso requer que você tenha uma experiência pessoal com os produtos, o que leva algum tempo, talvez mais tempo do que demore pra fatura do cartão de crédito vencer.

Mentira Número 3: É só consumir e trazer pessoas pra consumir.

Essa mentira é irmã da mentira 2. Na verdade é quase um corolário dela.

Em que situação você acha que uma pessoa fala uma frase dessas? Só pode ser na tentativa de convencer alguém a entrar no negócio pela sua facilidade. Afinal de contas, consumir não dá trabalho e trazer pessoas pra fazer uma coisa que não dá trabalho e ainda por cima dá dinheiro parece bastante fácil, não é?

Uma semana de trabalho sério nesse negócio e você percebe que NÃO É SÓ CONSUMIR E TRAZER PESSOAS PRA CONSUMIR.

Se você tem o hábito de raciocinar, você nota logo que alguém, em algum lugar tem que vender algum produto. Se isso não acontecer, não há volume de dinheiro circulando e, portanto, você ganha uma bela porcentagem sobre nada.

Os defensores dessa mentira afirmam que o consumo gera volume e constitui uma espécie de venda dentro do próprio grupo. E isso é verdade, mas não significa que seja suficiente. Você não fica ativo somente com seu próprio consumo e nem sempre há pessoas querendo entrar no negócio.

Sempre tem alguém que fala que conhece uma empresa em que o volume para ficar ativo é tão baixo que pode ser gerado somente pelo consumo. Entenda de uma vez por todas dois fatos fundamentais do marketing de rede:

1 – Se o ativo é baixo demais, poucas pessoas GANHAM BEM e pouquíssimas ganham MUITO DINHEIRO

Com um volume de ativo baixo, os volumes individuais são pequenos. Isso significa que você precisa ter MUITO MAIS PESSOAS e MUITO MAIS LATERALIDADE para ganhar uma quantia significativa e significa que só quem tem MUITA GENTE no grupo ganha bem.

O sistema binário tenta compensar isso com o derramamento, “facilitando” o trabalho do distribuidor, mas como você só ganha da perna de menor volume, continua valendo o mesmo princípio. Serão necessários milhões e milhões de pessoas para você começar a ganhar dinheiro de verdade.

Além disso, no binário vale muito mais quem você patrocinou pessoalmente, mesmo que tenha sido derramado na profundidade, então o problema do volume baixo permanece.

2 – Se o produto é barato demais, acontece a mesma coisa.

É claro que há empresas que juntam esses dois fatores. Aí a desgraça é completa, porque o negócio parece fácil demais, mas você tem que compensar os pequenos volumes com uma quantidade incomensurável de pessoas.

Recentemente uma pessoa que ia entrar diretamente comigo preferiu uma empresa com o ativo baixo e produtos muito baratinhos. E a escolha se deu baseada nesse critério.

Acredito que essa pessoa vai ser bem sucedida, pelo perfil que tem, mas, pra ganhar o mesmo que eu ganho hoje, por exemplo, ele vai ter que construir um grupo com algo em torno de 15 vezes a quantidade de pessoas que tenho em minha organização.

É claro que você deve estar se perguntando o que isso tem a ver com a mentira número 3. Eu explico.

Quando você promove para o seu grupo que é só consumir, isso significa que eles terão volumes pessoais pequenos, porque não vão comercializar nada. Mesmo ficando ativos colocando pessoas, você vai ter uma organização com baixo aproveitamento.

Como as pessoas fazem volumes pequenos, elas não têm nenhum lucro de vendas e isso significa que precisam construir um grupo mais rápido e ficam sob a pressão de terem que ficar ativas “colocando gente”.

Isso pressiona seu cheque para baixo e gera o famosos “entulhadores”, que são aquelas pessoas que te cadastram no negócio e depois te esquecem. Afinal eles precisam correr para pegar mais gente pra ficar ativo no próximo mês.

O método de trabalho do princípio do acúmulo é a melhor maneira de construir um grupo de consumidores que vai te ajudar e gerar seu volume de ativo somente com suas compras pessoais.

Mentira Número 4: Nós vamos construir o negócio pra você.

Você já deve ter visto esses sistemas automatizados que fazem tudo pela internet. A conversa é sempre a mesma: você vai ter centenas de contatos todos os dias, qualificados e prontinhos pra entrar no negócio. Você não precisa vender e nem chamar ninguém, só precisa se cadastrar logo e garantir sua posição na rede.

Há alguns questionamentos sérios em relação a essas promessas:

1 – Qual o perfil das pessoas que sentem atração por um negócio em que não se precisa fazer nada?
As pessoas que se interessam por uma promessa de ganhar dinheiro sem fazer nada são os prospectos ideais para um negócio sério de marketing de rede? As pessoas que entram só porque não precisa vender nada e nem falar com ninguém são REALMENTE qualificadas pro nosso negócio?

2 – Se você não vai vender, não vai recrutar, se você não vai fazer nada, porque o dono do sistema precisa de você?
Se você não faz nada para merecer esse dinheiro, então como vai ganhar dinheiro? Você está simplesmente promovendo o dono da empresa e criando cadastro pra ele.

3 – Porque raios você precisa comprar aquele e-book e pagar aquela taxa? Se o marketing de rede está morto, porque eles querem tanto que você participe do sistema deles?
Parece estranho isso. “Vou te ensinar DE GRAÇA como se fica milionário com o marketing de rede, você só precisa comprar esse e-book aqui e ganha a inscrição no meu sistema de recrutamento automático!”

Agora você já conhece as Mentiras do Marketing de Rede leia a segunda parte: Mais informações Mentiras Marketing Multinível 2

Mentiras do Marketing de Rede 1 – Você já ouviu isso?
Avalie
-->Aproveite e cadastre seu email abaixo para receber novas atualizações do site. Após colocar o seu email abaixo vai receber um email de confirmação de cadastro não esqueça de clicar.<--

Receba novidades no seu email:

Delivered by FeedBurner

Deixe uma resposta

Digite abaixo a numeração *