Como se prevenir do cigarro e evitar que atrapalhe a sua saúde

É sabido por quase toda população mundial os males que o fumo frequente causa para quem possui esse terrível vício. Hoje você vai entender como se prevenir do cigarro e o que pode causar.

Como Parar de Fumar em 5 Passos

Descubra aqui todos os detalhes do processo para você deixar de fumaros malefícios do cigarro, e os sintomas causados no processo de largar o vício e como não ter as famosas recaídas – além de um guia completo com tudo isso, passo a passo para você! CLIQUE AQUI PARA SABER MAIS

 

As substâncias contidas no cigarro são responsáveis por afetar a produção do colágeno, proteína responsável para saúde da pele, causando rugas que afetam drasticamente a sua aparência. Estes danos podem ser irremediáveis no futuro.

Como se prevenir do cigarro

como-se-prevenir-do-cigarro

O tabagismo em longo prazo faz com que haja aceleração do envelhecimento, assim como a perda da hidratação, da firmeza e da sustentação da pele, sendo que a nicotina é o principal causador desses problemas. Esta substância tóxica, a mais danosa do cigarro, faz com que haja a diminuição da circulação sanguínea.

Assim, há a falta de oxigenação no corpo, afetando as fibras elásticas e diminuindo a produção de colágeno, o que causa rugas e a flacidez da pele. Além disso, outras substâncias prejudiciais à saúde contidas no cigarro podem levar à liberação de radical livre, aumento da viscosidade do sangue e diminuição do estrógeno na pele, o que a deixa mais grossa e seca.

Da mesma forma, é possível o aparecimento de olheiras e a pele adquirir um tom cinzento ou amarelado. Os problemas não ficam restritos ao rosto, sendo que o pescoço, as mãos também são locais muito atingidos e nenhuma parte do corpo está livre desses danos.

Se para você isso não é um problema, o cigarro ainda causa condições mais graves como o desenvolvimento de câncer, assim como doenças respiratórias e cardíacas que são fatais. Você não precisa ser escravo desse vício, pois existem tratamentos naturais que vão lhe ajudar a largar a nicotina!

É comum escutar de quem tentou largar o cigarro e não conseguiu se livrar deste terrível vício que deixar de fumar causa estresse. Sendo que essa é a causa de ter falhado e por isso é tão difícil parar, ou fuma porque não quer causar problemas a sua família ou no trabalho devido ao estresse que atrapalhar os relacionamentos, entre outras desculpas.

Bom, a ciência comprovou que parar de fumar não deixa as pessoas mais estressadas.

Um estudo da Universidade de Wisconsin concluiu que largar o cigarro não diminui a capacidade de enfrentar situações adversas ou de estresse. De acordo com os cientistas, uma boa parcela das pessoas que está pensando em parar de fumar se preocupa com os sintomas da abstinência. Têm medo de engordar, mas principalmente temem que não consiga enfrentar os problemas do dia a dia. Mas o estudo traz ótimas notícias.

Além de melhoras a saúde, largar o vício na nicotina traz benefícios para o bem-estar diário da pessoa. Quem para de fumar sente mais emoções positivas do que quando estava fumando, como melhorando a criatividade, relacionamento com a família e amigos, assim como a autoestima. A pesquisa levou três anos para ser completada e analisou a vida de 1.500 homens e mulheres que tentavam parar de fumar.

Durante esse período foram realizadas entrevistas e análises com os voluntários, sendo que os que efetivamente largaram o cigarro experimentaram mais emoções positivas que aqueles que continuaram fumando. Além disso, quem parou de fumar relatou que tinham menos motivos para ficar nervosos ou estressados, sendo que o cigarro era o motivo que geralmente causava esses problemas.

Os ótimos resultados da pesquisa ocorreram em longo prazo, após a nicotina estar totalmente fora do sistema dos voluntários. Por isso não desanime se ocorrerem problemas enquanto você está tentando largar o cigarro, pois logo você se sentirá melhor e mais feliz!

Foi apenas a partir da década de 50 que os cigarros começaram a receber os filtros, praticamente como ainda são fabricados até hoje. Isso só ocorreu após a percepção que quem fumava cigarros estava contraindo inúmeras doenças graves como câncer e estudos posteriores comprovaram este fato (mesmo que a publicidade da época jurasse que isso não era verdade).

Dessa forma, as empresas de tabaco foram obrigadas a pensar em uma solução para o problema, e foram assim que surgiram os filtros nos cigarros.

O objetivo dos filtros era diminuir a exalação do alcatrão e da nicotina, substâncias extremamente prejudiciais para a saúde, e assim tornar o cigarro “seguro”. Até hoje podemos perceber que existem marcas de cigarro que anunciam seu produto “com menos alcatrão e nicotina” sendo que para isso utilizam pequenas e invisíveis perfurações no filtro que fazem com que o ar entre no filtro e se misture com a fumaça. Assim, a cada tragada, o fumante recebe mais ar e menos fumaça que o normal.

No entanto, os filtros não são eficazes o suficiente para evitar o vício ou que o cigarro cause doenças graves. Por serem viciados, os fumantes necessitam da nicotina em seu sangue e vão inalar a quantidade necessária para seus corpos ficarem satisfeitos, e, assim, se escolherem pelo cigarro com filtro, terá que fumar ainda mais do que o comum.

Não existe quantidade segura para se consumir a nicotina de forma que o indivíduo não adquira o vício. Por isso, a melhor forma para evitar esse terrível problema é não fumar. Mas se você fuma e quer largar a nicotina e melhorar de vida, saiba que isso é possível!

Agora que você aprendeu como se prevenir do cigarro acesse http://harmonianatureza.com.br/parar-de-fumar e descubra como deixar de fumar!

Como se prevenir do cigarro e evitar que atrapalhe a sua saúde
5 (100%) 1 vote
One Comment

Adicione um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*